“Ainda” sou um UX/UI Designer Júnior

O que você pode fazer para iniciar sua jornada

Bermix Studio, on Unsplash

Introdução

O começo da jornada

Crie um portfolio — Mesmo que você só tenha os projetos de bootcamp, detalhe-os bem e conte suas histórias da forma mais completa possível, especificando claramente sua participação no projeto e seus principais aprendizados. Se tiver outros projetos que não sejam de UX/UI Design, coloque-os segundo plano ou não os apresente nesse momento.

Direcione seu CV para UX/UI Design — Por mais que você já tenha tido outras experiências anteriores que podem agregar, seu objetivo agora não é olhar para trás. Oriente seu CV para o que você está em busca, evidenciando a habilidades e competências que podem te diferenciar dos demais candidatos.

Prepare-se para entrevistas — Nessa hora, muitos candidatos não conseguem um bom desempenho. Ou estão nervosos demais, ou sabem pouco sobre a empresa em questão, ou erram nos detalhes. Esteja emocionalmente preparado para ser questionado não apenas na técnica, mas no comportamento.

Prepare-se para ser testado — É comum empresas solicitarem um teste aos candidatos, a fim de descobrirem como você se sairia em determinadas situações. Abrace esses desafios, dê o seu melhor e deixe sua marca.

Abrace a “síndrome do impostor” — Entenda que você é um novo profissional, e que sua entrega pode não ser satisfatória de início. Mas saiba que é necessário que você evolua rápido, aprendendo com os erros para não gerar a impressão de que a empresa tomou uma decisão errada ao lhe contratar. Prove seu valor constantemente.

Procure um mentor — É muito importante que você tenha um profissional mais experiente acompanhando o início da sua jornada. Mesmo que não oficialmente, busque essa pessoa, aconselhe-se, não tenha medo de perguntar. Isso fará com que você aprenda mais rápido, por não cometer erros que outros já cometeram.

Expanda seu network — Como em qualquer outro setor, ter contatos é um grande facilitador. Ingresse a grupos de WhatsApp, interaja nas mídias sociais do setor, vá a eventos. Conhecer pessoas é uma prática extremamente importante para sua carreira, pois a indicação ainda é um dos fatores mais fortes e determinantes para sua contratação.

Surpreenda no inesperado

O que diferencia a maturidade de um profissional não são as Hard Skills, mas as Soft Skills. Com isso, atente que além de você estar tendo a oportunidade para desenvolver suas Hard Skills, da mesma forma, tem a oportunidade de desenvolver suas Soft Skills. Preste atenção em como os profissionais mais experientes se comportam, como agem, o tom que falam, como se organizam, como conseguem somar ao time e como provam a necessidade de sua presença. As relações interpessoais são o fator de ouro que faz você prolongar sua permanência em um projeto.

Listo abaixo alguns pontos que vão além de “saber fazer”, que podem ajudar muito nesse processo:

  • Seja legal com as pessoas, sendo você mesmo;
  • Respeite a liderança, saiba ouvir críticas e esteja preparado para um “não”;
  • Aceite ser conduzido, (ainda) não conduza;
  • Esforce-se para fazer diferença na equipe;
  • Seja organizado, para que seu trabalho não atrapalhe os outros.

A diferença que um UX/UI Designer Júnior pode fazer

Ter iniciativa é um fator de altíssimo impacto.

Aproveite o crescimento de produtos digitais

Há empresas que precisam de você

Sarah Doody diz que todo UX/UI Designer deve ser um problem spotter. Ou seja, precisamos abrir os olhos para as empresas à nossa volta, identificar seus problemas, e fazermos algo para ajudar. E se você, enquanto espera pelas oportunidades de emprego, fosse a essas empresas oferecendo seus serviços? Uma coisa é você ingressar a um time de pessoas maduras, que já trabalham em um produto em uma empresa com boa maturidade de Design. Outra coisa bem diferente é chegar a uma empresa onde o time será você, o produto só será criado com sua ajuda, em uma empresa com nenhuma maturidade em Design. Desafiador, certo? Claro. Mas entenda que um projeto oriundo desse cenário vale muito mais do que um case de bootcamp. Ter uma história dessas pra contar certamente multiplica sua atratividade ao mercado.

Ponha a mão na massa

Conclusão

A community for Digital Product Designers to present themselves effectively and have access to curated content, mentorship and worldwide project opportunities.

A community for Digital Product Designers to present themselves effectively and have access to curated content, mentorship and worldwide project opportunities.